21.2 C
Brasil
domingo, abril 18, 2021
Início Tecnologia Quando stalkear é ilegal? Congresso decide criminalizar a prática

Quando stalkear é ilegal? Congresso decide criminalizar a prática

Em dezembro, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou uma proposta PL 1.369/2019) que estabelece prisão de até quatro anos para a prática conhecida como stalking. O projeto foi enviado para análise da outra Casa do Congresso e, na terça-feira, o Senado aprovou a proposta, que tipifica o crime no Código Penal.

Stalking é o nome dado ao acompanhamento obsessivo da rotina e das ações de uma outra pessoa, seja por meio da internet ou fisicamente. O dicionário de Oxford traz a seguinte definição: “crime de seguir e observar alguém por um longo período de tempo de uma forma que é irritante ou amedrontadora”. Com isso, a liberdade, privacidade e segurança da vítima são profundamente ameaçadas, uma vez que ela passa a ter medo de estar sendo constantemente observada e de estar vulnerável aonde quer que vá.

Embora a prática de stalking exista há décadas, a popularização da internet e sobretudo das redes sociais nos últimos anos facilitou muito a vida dos chamados stalkers. Isso porque, com a quantidade de publicações, fotos e informações postadas nas redes, fica muito simples acompanhar obsessivamente a vida de uma pessoa, criando o conhecido cyberstalking (ou seja, stalking online).

Surge, então, a pergunta: quando a simples curiosidade pela vida de alguém se torna stalking? Nos projetos de lei do Brasil, a prática é definida como “perseguição insidiosa ou obsessiva” e “intimidação sistemática”, o que aponta para um exercício reiterado desse tipo de ação. No stalking, existe assédio, medo, prejuízo — o que não ocorre quando, por exemplo, um amigo visita com frequência as redes sociais do outro para se atualizar sobre seu dia a dia.

O texto aprovado estabelece a pena de um a quatro anos de reclusão e multa, podendo ser mais longa se o crime for cometido contra mulheres em decorrência da condição do sexo feminino, contra crianças, adolescentes e idosos, se houver uso de arma ou se os criminosos agirem em grupo. Agora, a lei segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Ferrari anuncia lançamento de veículo totalmente elétrico para 2025

Na assembléia anual de acionistas da Ferrari, realizada na quinta-feira, 15, o presidente da empresa, John Elkann, disse que o primeiro carro totalmente elétrico...

Google Earth mostra imagens de 40 anos de destruição da Terra

Na última quinta-feira, o Google Earth ganhou uma nova função chamada Timelapse, que reúne 24 milhões de imagens obtidas via satélite entre 1984 e...

A lenda renasceu: as versões restauradas e exclusivas do Jaguar E-Type

Quando o Jaguar E-Type foi lançado, Enzo Ferrari sentenciou: “É o mais belo carro já criado”. Mais do que ninguém, o engenheiro italiano, conhecido...

Socorro, senhas!

Instagram, Facebook, Whats­App, bancos, livrarias virtuais, moda on-line, eletrodomésticos… O uso da internet se tornou exponencial. Dá pra comprar, vender, realizar transações financeiras, se...