25.2 C
Brasil
quinta-feira, maio 13, 2021
Início Tecnologia Postura de Regina Duarte teve repercussão negativa no Twitter

Postura de Regina Duarte teve repercussão negativa no Twitter

Em entrevista dada por Regina Duarte na quinta-feira, 8, ao canal CNN Brasil, a frente da Secretaria Nacional da Cultura, a atriz e fiel partidária de Jair Bolsonaro se mostrou omissa ao defender a própria classe em tempos de crise, defendeu a Ditadura Militar, minimizou a tortura e mortes, e reagiu de forma desproporcional a um vídeo de Maitê Proença.

Para aferir a repercussão da fala de Regina, Veja pediu à Sprinklr, que detém uma plataforma de gestão de canais digitais, para contabilizar os posts feitos das 18h30 de quinta-feira, pouco depois do fim da entrevista, até as 14h de hoje.

No levantamento, foi constatado que a postura da secretária não agradou. No total, foram 447 mil menções citando o caso. No chamado “alcance”, a medida que afere quantas vezes os perfis no Twitter tiveram contato com posts sobre a entrevista, obteve-se o número de 3,8 bilhões.

O teor do conteúdo foi tido como de quase consenso: 92,6% dos tuítes tratavam o tema de forma negativa, principalmente em relação a defesa da ditadura feita pela atriz. Três hashtags que estiveram no topo dos assuntos mais comentados mencionavam o tópico. Eram elas: #reginafascista #ditaduranuncamais #reginaduartevergonhanacional.

 

 

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Depois de tentativa de ataque ao STF, hackers miram governo do DF

Na mesma semana em que o STF precisou derrubar seu site para combater tentativas de ataques cibernéticos, o governo do DF foi alvo de...

Entenda o que é andropausa

O Doutor Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes é graduado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e doutorado pela Universidade Federal de...

“Agora a marca falará com as mães”, diz criador da Galinha Pintadinha

Ao lado do sócio Juliano Prado, o publicitário Marcos Luporini criou a bem-sucedida personagem infantil Galinha Pintadinha. A avezinha azul está próxima de bater...

Pessoas mais velhas são mais polarizadas nas redes sociais

Um novo estudo, conduzido por uma equipe internacional de pesquisadores do Chile, Colômbia, Brasil e Argentina, revelou que internautas mais velhos são os maiores...