21.8 C
Brasil
sábado, junho 19, 2021
Início Tecnologia Facebook lança campanha contra exploração infantojuvenil

Facebook lança campanha contra exploração infantojuvenil

Em alinhamento com o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, neste 18 de maio, o Facebook e a associação SaferNet Brasil lançaram a campanha “Denuncie. Não compartilhe”. O objetivo é educar e conscientizar os internautas sobre a importância de não disseminar conteúdo que pode vitimizar crianças e adolescentes.

O projeto levará às pessoas um vídeo educativo sobre como lidar com um conteúdo que explora jovens, alertando que o compartilhamento (mesmo aquele cuja intenção é expressar indignação ou choque) é ilegal e acaba por causar ainda mais dano à vítima. Além disso, o vídeo trará orientações sobre as ferramentas apropriadas para se denunciar materiais dessa natureza.

“A campanha nos lembra que a internet pode ser uma grande aliada na identificação de situações de abuso”, explica Thiago Tavares, presidente da SaferNet Brasil, a VEJA. “Denúncias anônimas salvam vidas; basta acessar este link ou Disque 100.” Também há atendimento pelo WhatsApp. Em quinze anos, a associação recebeu e processou quase 1,8 milhão de denúncias anônimas de pornografia infantil, envolvendo aproximadamente 430 mil páginas distintas.

O Facebook já utiliza alguns mecanismos para evitar a propagação de conteúdos prejudiciais a crianças e adolescentes. “Nós utilizamos inteligência artificial e machine learning para proativamente detectar conteúdos de nudez e exploração infantil previamente desconhecidos, entre outras medidas”, conta Daniele Kleiner, gerente de bem-estar do Facebook na América Latina. “Queremos ajudar a tornar a Internet um lugar mais seguro para todos e, em especial, para as crianças e os adolescentes.”

 

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Sucesso dos anos 1990, o bichinho virtual Tamagotchi renasce

Há muito tempo, numa galáxia nem tão distante assim, nos idos dos anos 1990, sem smartphones, sem redes sociais, em que os videogames só...

Empresa prevê investimento milionário em pesquisa de plástico degradável

A Tecbio Holding pretende investir R$ 15 milhões no desenvolvimento de pesquisas e produção de plásticos biodegradáveis até 2024. O grupo de empresas de capital...

São Paulo começa a votar Lei das Antenas, que abre caminho para 5G

A Câmara Municipal de São Paulo começa a votar nesta quarta um projeto de lei que abre caminho para a futura implementação do 5G...

Brasil e o acordo Artemis: avanço na exploração pacífica do espaço

Ao aderir ontem, 15 de junho, ao acordo Artemis, o Brasil não só aliou-se ao programa que irá retomar os voos tripulados à Lua...