33.8 C
Brasil
terça-feira, junho 15, 2021
Início Tecnologia Balela: Palestina não deixou de aparecer no Google Maps

Balela: Palestina não deixou de aparecer no Google Maps

Nesta quinta-feira (16) o Google Maps foi alvo de uma polêmica: estaria o aplicativo do Google excluindo a marcação do território da Palestina, numa tentativa de apoiar a ocupação por parte de Israel daquele território. O assunto foi capultado aos assuntos mais comentados do Twitter após a Embaixada do Estado da Palestina em Brasília publicar nas redes sociais essa afirmação.

No entanto, ela não é verdadeira. Apesar dos Estados Unidos ser aliado de Israel, o Google não está operando uma forma de anular o reconhecimento da Palestina. desde 2016, a empresa optou por demarcar territórios que possuem limites provisórios e estabelicidos por tratados com uma marcação visual cinza tracejada, segundo explica um um texto publicado no blog de suporte da empresa do buscador.

Assim, as áreas correspontes ao território palestino são descrito como as regiões da Cisjordânia e da Faixa de Gaza, junto da parte leste de Jerusalém, todos apresentados no aplicativos de mapas.

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Criador de empresa que ajudou a capturar Bin Laden fala em painel na terça

Joe Lonsdale participará nesta terça, às 19h30, do segundo painel da edição deste ano do Brazil at Silicon Valley, evento organizado por ex-alunos brasileiros...

Itaú é primeiro banco do país com agência conectada ao 5G

O Itaú, em parceria com a Vivo Empresas, é o primeiro banco no país a ter uma agência física utilizando o padrão de conectividade...

Jeff Bezos: Para o alto e avante

Iates e jatinhos todo bilionário tem. Já o dono da Amazon, Jeff Bezos, o maior de todos os ricaços, tem um foguete para chamar...

Startups tornam real o sonho dos carros voadores

Em 2050, 9,8 bilhões de pessoas estarão vivendo na Terra. Quase 70% delas em centros urbanos, o que impõe enormes desafios ao transporte público....