21.7 C
Brasil
terça-feira, setembro 28, 2021
Início Notícias Marco Antonio Carbonari discorre acerca dos famosos vinhos argentinos

Marco Antonio Carbonari discorre acerca dos famosos vinhos argentinos

A Argentina é o quinto maior produtor de vinhos no mundo, sua importância vinifera faz com que todo turista não deixe de comprar vinhos argentinos, afirma Marco Antônio Carbonari, especialista em vinhos e proprietário de uma das mais conceituadas vinícolas do Brasil: a Vinícola Santa Maria. Continuamente, a Argentina é o maior produtor de vinhos da América do Sul, título que carrega com bastante elegância.

Há diversas regiões que produzem os vinhos no país e em cada uma delas há suas particularidades que fazem dos vinhos cada vez mais singulares e marcantes: Mendoza, San Juan, Salta e Patagônia, como por exemplo. Cada uma possuindo suas características, como os vinhos produzidos em Mendoza; a região é a mais conhecida, sendo responsável por produzir mais de 70% dos vinhos no país. Por ter um clima frio e uma alta altitude (a região fica próxima à Cordilheira dos Andes) a região é favorável para a produção de terroirs. Cabernet Sauvignon, Chardonnay e Malbec são uvas que se adaptam melhor à região.

San Juan, região situada entre Mendoza e La Rioja, é considerada a segunda maior região produtora de vinhos no país, ficando atrás somente de Mendoza. Com o clima quente e seco e altitudes elevadas é o local ideal para o cultivo de uma famosa casta de uva: a Syrah, outra que se mostra se adaptar bem também é a Bonarda. A Syrah tem origem na França e é uma das mais singulares uvas para a fabricação do vinho, afirma Marco Antonio Carbonari.

Além disso, mais uma casta que vale a pena destacar é a Bonarda; é uma uva de caráter tinto, porém seu corpo é moderado e delicado, fazendo com que, assim, seja um diferencial muito cultuado. Sendo uma das mais consumidas no país, vale dizer que, para acompanhar a posição de quinta maior produtora de vinhos do mundo, os argentinos são considerados um dos povos que mais consomem vinho conjuntamente.

Com a diversidade de solos e climas, a Argentina dispõe de uma gama de vinhos e castas de uvas extensas. O Malbec, desde que foi trazido para o país, se adaptou bem, e hoje é considerado um dos países que melhor produz a espécie. Um Malbec argentino é irrecusável, afirma Marco Antônio Carbonari, a qualidade é notada desde o cheiro até o sabor final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Diva do Brás dá dicas para remover olheiras

Quem nunca passou pela situação de acordar e reparar numa coloração escura abaixo dos olhos acompanhado de um inchaço? Essas são as...

Saiba os benefícios da corrida de rua e comece agora mesmo

Correr faz bem para a mente e para o corpo, segundo o empresário Weber Micael da Silva, praticante do esporte há anos....

Restos mortais de vítimas do 11 de setembro são identificados após 20 anos

Por 20 anos, o consultório médico legista da cidade de Nova York conduziu discretamente a maior investigação de pessoas desaparecidas já realizada no país —...

‘Ajudei a redigir o documento pacificando as relações entre os Poderes’, diz Michel Temer

O esboço da carta à nação publicada nesta quinta-feira, 9, pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) como uma forma de trégua entre os Poderes...