22.3 C
Brasil
quinta-feira, dezembro 9, 2021
spot_img
InícioBrasilMoraes autoriza novos depoimentos sobre suposta interferência de Bolsonaro na PF

Moraes autoriza novos depoimentos sobre suposta interferência de Bolsonaro na PF

A Polícia Federal garantiu na última segunda-feira, 23, o direito de ouvir novos depoimentos no inquérito que apura se o presidente Jair Bolsonaro tentou ou não interferir na instituição, como apontou o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro quando deixou o governo. Na sexta-feira da semana passada, o delegado responsável pelo inquérito pediu autorização para ouvir novas testemunhas. Diante desse pedido, o ministro Alexandre de Moraes, que é o relator da matéria no Supremo Tribunal Federal, liberou esses novos depoimentos.

O inquérito, vale lembrar, foi aberto em abril do ano passado e apura supostas ilegalidades cometidas pelo presidente Jair Bolsonaro — inclusive, ao exonerar o então diretor da instituição, Maurício Valeixo, que havia sido indicado por Sergio Moro. Vale lembrar que o Supremo ainda precisa definir como é que vai se dar o depoimento do presidente da República: por escrito ou presencial. O presidente já afirmou que, para ele, não fazia muita diferença. Porem, quando o tribunal começou a preferir depoimentos in loco, Bolsonaro alegou tratamento diferenciado — uma vez que outros presidentes já prestaram depoimentos e tiveram autorização para responder as perguntas por escrito. Por isso, a polêmica e a expectativa de que isso só seja resolvido no mês que vem.

*Com informações da repórter Luciana Verdolin 

- Advertisment -spot_img

Ultimas Notícias