A impressão 3D é uma das maiores apostas para o avanço da exploração espacial. E uma das grandes vantagens dessa tecnologia é que também pode oferecer mais sustentabilidade. Pelo menos é o que a empresa Made In Space espera, ao lançar uma máquina que recicla plástico para a Estação Espacial Internacional (ISS).

A previsão é que o Plastic Recycler (“reciclador de plástico”, em tradução literal), um dos produtos da companhia baseada na Califórnia, seja enviado para a ISS no início de novembro. No espaço, a máquina ajudará a reduzir o lixo da estação, além de diminuir a quantidade de material a ser enviado da superfície terrestre para lá.

“O reciclador vai completar o ciclo de sustentabilidade do plástico em órbita ao fornecer aos astronautas a capacidade de converter embalagens plásticas e lixo, bem como objetos já fabricados antes pela impressora 3D, em matéria-prima para ser reutilizada pela impressora”, diz o descritivo do produto no site da Made In Space.

Ou seja: os astronautas poderão reaproveitar melhor o plástico que já está a bordo da ISS, aumentando o tempo das missões e reduzindo a quantidade de carga enviada para a estação, o que vai liberar mais espaço para cargas em futuras viagens.

Desde 2014, a ISS possui uma impressora 3D fabricada pela Made In Space. A companhia também planeja enviar mais maquinário para a estação nos próximos meses.

Fonte: Space.com, Made In Space

Trending no Canaltech:

Galeria de fotos: Veja 88 fotos da Terra vista do espaço (Photos)

Imagem colorida tirada pelo satélite Landsat 8 da cidade de Dubai, Emirados Árabes Unidos, no dia 25 de dezembro de 2013.  

_________________________________________________________

Veja MSN Brasil:

Veja 40 fotos de navios e destroços no fundo do mar 

Famosos pontos turísticos em 100 imagens incríveis 

Fotos tiradas exatamente no momento certo 

Essa imagem, tirada pelo satélite da NASA Landsat 7, no dia 22 de setembro de 2002, mostra lagos, poças e lagoas espalhadas pelo Delta do Yukon, no sudoeste do Alasca, EUA. 

Essa imagem da Europa e do Oriente Médio à noite é um composto formado a partir de dados adquiridos pelo satélite Suomi NPP, em abril e outubro de 2012. Os novos dados foram mapeados sobre as imagens existentes da Blue Marble, para fornecer uma visão realista do planeta Terra. 

O Monte Etna, na Itália, é visto em estado de erupção nessa imagem de cores falsas tiradas pelo Advanced Land Imager do satélite Earth Onserving-1 (EO-1), da NASA, no dia 19 de fevereiro de 2013. 

Essa imagem da região de Gereja Katolik, na Indonésia, foi tirada pelo satélite Sentinel, no dia 21 de maio de 2018. 

Em cor falsa, a imagem da cratera Shoemaker, na Austrália Ocidental, no dia 1 de março de 2014. 

Imagem do dia 24 de julho de 2019, tirada pelo Visible Infrared Imaging Radiometer Suite, do satélite Suomi NPP, mostra fumaças de vários incêndios florestais em cima do Lago Baikal (canto inferior direito). 

Imagem geral do satélite da Maxar mostra a imagem da cidade de El Segundo, Califórnia, EUA, no dia 5 de maio de 2019. 

Imagem de satélite aprimorada da cidade de Turim, Itália, no dia 30 de abril de 2019. 

Imagem de satélite da Puzzle Island, em Utrecht, Holanda, no dia 22 de junho de 2017. 

Imagem do satélite Digital/Maxar do sítio arqueológico de Tânis, Egito, no dia 4 de janeiro de 2019. 

Imagem de satélite de Cape Keppel, em Queensland, Austrália, tirada no dia 9 de junho de 2009. 

Imagem do Circuito Internacional da Coreia, em Yeongam, Coreia do Sul, tirada no dia 5 de junho de 2011. 

Imagem da Grande Mola Prismática no Parque Nacional de Yellowstone, em Wyoming, EUA, tirada no dia 19 de setembro de 2009. 

Imagem de satélite do Torri do Santuário Itsukushima, no Japão. 

A lagoa vermelha do Parque Westgate, em Melbourne, Austrália, no dia 9 de maio de 2013. 

A Mina de Ouro de Boddington, na Austrália, no dia 18 de janeiro de 2011. 

Imagem de satélite de construções na cidade de Sirte, Líbia, tirada no dia 2 de fevereiro de 2013. 

Imagem da Heart Island em Galešnjak, Croácia, tirada no dia 16 de fevereiro de 2013. 

Imagem de satélite do desmatamento nas margens do Rio Jacu, nos estados do Rio Grande do Norte e Paraíba, no dia 28 de agosto de 2015. 

Imagem do Monte Vesúvio, na Itália, tirada no dia 19 de fevereiro de 2013. 

Vinhedos no nordeste de Huelva, Espanha, no dia 16 de outubro de 2013. 

Deserto do Namibe, na Namíbia, no dia 13 de maio de 2013. 

Imagem de satélite de Boca Raton, Flórida, EUA, tirada no dia 14 de setembro de 2013. 

Uma visão geral do Recife Johnson South, localizado na porção sudoeste dos Bancos da União, nas Ilhas Spratly, no Mar do Sul da China, no dia 1 de abril de 2016. 

Schooner Cays, Bahamas, no dia 26 de maio de 2013. 

Imagem de bangalôs em uma ilha de coral no resort de Bora Bora, em Polinésia Francesa, no dia 3 de janeiro de 2017. 

Imagem de satélite de Veneza, Itália, no dia 13 de agosto de 2013. 

Arkhangelsk, o centro administrativo de Archangelsk Oblast, na Rússia, no dia 14 de julho de 2010. 

Lago Karakul, que fica dentro de uma cratera de impacto localizada nas Cordilheiras Pamir, na província de Gorno-Badakhshan, no Taquistão. Essa imagem mais ampla da cratera foi tirada no dia 25 de junho de 2016. 

Mina de Carajás, localizada no norte do Brasil, em julho de 2017. 

Imagem de Yongbyon, na Coreia do Norte, no dia 6 de agosto de 2013. 

Vista de casas de Al Dhafra, em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos, no dia 5 de abril de 2016. 

Imagem infravermelho de satélite após o incêndio em Corona, Califórnia, EUA, no dia 27 de setembro de 2017. O vermelho indica vegetação não queimada. 

Imagem do vilarejo de Creil, na província de Flevoland, Holanda, no dia 25 de setembro de 2016. 

Imagem aprimorada do satélite Sentinel do Monte Everest, sobre um terreno 3D, no dia 29 de dezembro de 2016. 

Imagem de Wadi Rum, Jordânia, no dia 9 de maio de 2017. 

Essa imagem mostra uma lago de rejeitos de minério de ferro em Negaunee, Michigan, EUA, no dia 6 de setembro de 2011. 

A cidade de Doha, Qatar, com a ilha Pearl-Qatar localizada ao norte, o Porto de Doha ao centro e o Aeroporto Internacional Hamad visível na direita, no dia 1 de março de 2017. 

Visão geral de um dos Recifes de Gaven, localizado no Banco Tizard das Ilhas Spratly, no Mar do Sul da China, no dia 25 de maio de 2018. 

Imagem de satélite aprimorada de Tampa, Flórida, EUA, em fevereiro de 2018. Essa imagem foi composta por várias fotos. 

Imagem do Capella Hotel em Singapura, no dia 13 de abril de 2018. 

No dia 14 de agosto de 2015, o Operational Land Imager (OLI), do satélite Landsat 8, fez essa imagem de geleiras na cordilheira Tian Shan, que parece com a letra “M”, no nordeste do Cazaquistão. 

O vulcão Sakurajima no Japão, no dia 18 de agosto de 2013. 

Imagem do satélite Landsat 8 da cidade de Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos, no dia 16 de dezembro de 2013. 

Ebon Atoll, um atol de coral de 22 ilhas no Oceano Pacífico que faz parte das Ilhas Marshall. A foto tirada pelo astronauta Paolo Nespoli, da Agência Espacial Européia, enquanto servia como membro da tripulação da Expedição 26, na Estação Espacial Internacional. 

Imagem do satélite Envisat mostra o Lago Tana, que tem a forma parecida com um coração, na região do Chifre da África. A foto foi tirada pelo MERIS, um instrumento do referido satélite da Agência Espacial Européia. 

A imagem da ilha que tem a forma de um coração Galešnjak, Croácia. A foto foi tirada pelo ALOS, o satélite de observação da Terra japonês.  

Imagem dos padrões de onda no lado canadense do Lago Erie. Foto tirada pelo astronauta André Kuipers, da Agência Espacial Européia, durante a Hora do Planeta, no dia 31 de março de 2012. 

O astronauta André Kuipers, da Agência Espacial Européia, tirou essa foto da cidade de Christchurch, Nova Zelândia, no dia 2 de abril de 2012. 

Imagem da cidade de Londres, tirada pelo astronauta André Kuipers, no dia 5 de abril de 2012. 

Imagem do Reino Unido e da Irlanda à noite, e ao fundo a aurora boreal, no dia 8 de março de 2012. Foto tirada pelo astronauta André Kuipers.  

As ilhas The Palm e The World em Dubai, no dia 12 de abril de 2012. Foto tirada pelo astronauta André Kuipers. 

Gelo marinho em Okhotsk, costa leste da Rússia, durante a Hora do Planeta, no dia 12 de abril de 2012. Foto tirada pelo astronauta André Kuipers. 

Imagem da cidade de Paris tirada pelo ASTER (Advanced Spaceborne Thermal Emission and Reflection Radiometer), no dia 23 de julho de 2000. 

Essa imagem de Los Angeles, Califórnia, EUA, foi tirada pela câmera MISR (Multi-angle Imaging SpectroRadiometer), do satélite Terra da NASA. A fumaça do incêndio da estação é vista cobrindo os vales da região sul da cordilheira de San Gabriel. 

Imagem de um ponto da Costa do Mosquito, no mar do Caribe, em Nicarágua e em Honduras. 

Imagem de Montreal, Canadá, à noite, da Estação Espacial Internacional. Essa foto foi tirada a uma distância de aproximadamente 595 km do solo. 

Kondyor Massif, localizado em Krai de Khabarovsk, Rússia. 

Imagem do Reservatório de São Simão, Brasil. Foto tirada por um membro da tripulação da Expedição 16, da Agência Espacial Internacional. 

Lagoa de Veneza, no norte da Itália. 

Nessa imagem, às margens do Rio Reno, estão as cidades alemães de Bonn e Colônia, à noite. As luze à direita iluminam a pista do aeroporto de Colônia-Bonn, localizado entre os dois municípios. Foto tirada pela Agência Espacial Internacional. 

Imagem da cidade de Nova York, tirada pela Expedição 7 da Agência Espacial Internacional, em 2003. 

Erupção do vulcão Sarychev, nas Ilhas Curilhas, Japão, no dia 12 de junho de 2009. Foto tirada por um astronauta da Agência Espacial Internacional. 

Imagem da Baía de São Francisco, Califórnia, EUA. Foto tirada durante a Expedição 7, da Agência Espacial Internacional, em 2003. 

Imagem do Delta do Amazonas. 

Imagem das Cataratas de Vitória e do Rio Zambeze, no Zimbábue, em 2003. Foto tirada pela Expedição 7, da Agência Internacional Espacial. 

Imagem da capital japonesa de Tóquio à noite, tirada pela Agência Espacial Internacional em 2012. 

Imagem de cores naturais de Antuérpia, Bélgica, tirada pelo satélite Landsat 7. 

Gosses Bluff, uma cratera localizada entre a Cordilheira MacDonnell e a Cordilheira James, no Território do Norte da Austrália. Imagem tirada pela Agência Espacial Internacional, em 2003. 

A Grande Barreira de Coral, na Austrália, tirada pela Expedição 7, na Agência Espacial Internacional, em 2003. 

Imagem de campos agrícolas localizados aos arredores de Sevilha, Espanha. 

Imagem de uma intensa tempestade de inverno na Croácia. Essa tempestade atravessou o Mediterrâneo nos dias 13 e 14 de novembro de 2004. 

Zona florestais ao redor do Rio Napo, no Equador e Peru. 

Costa do Marfim, um país da África Ocidental, durante a temporada de incêndios generalizadas, com a queima de biomassa (pontos vermelhos). Foto tirada pelo satélite Aqua da NASA. 

Imagem da cidade de Seul, Coreia do Sul, no dia 15 de janeiro de 2003. Foto tirada pelo satélite Aqua. 

Imagem da cidade de Noumea, Nova Caledônia, tirada pela Expedição 7, da Agência Espacial Internacional, em 2003. 

Imagem da neve em Amsterdã, Holanda, tirada pelo satélite Terra, no dia 9 de janeiro de 2009. 

Imagem tirada no outono de 2009, em St. Louis, Missouri, EUA, mostra rios com grandes volumes de água devido à fortes chuvas. 

Honolulu, Havaí, fotografada pela Expedição 7, da Agência Internacional Espacial, em 2003. 

Rio Lluta, localizado no norte da região de Arica e Parinacota no Chile. 

Uma vez que já fez parte do Lago Chade, a área agora é conhecida como Depressão Bodélé, localizada no extremo sul do Deserto do Saara, na África, lentamente está se transformando em uma paisagem desértica. 

Dasht-e Kavir, também conhecido como Grande Deserto Salgado, no Irã. 

A cadeia de montanhas Sierra Madre Oriental, no nordeste do estado de Nuevo Leon, México. 

Imagem da Grécia tirada pelo ônibus espacial Atlantis, durante a missão STS-84. 

Nessa imagem de cores falsas, dunas de estrelas são vistas na Argélia. 

Essa imagem noturna, tirada por um dos tripulantes da Expedição 25 da Agência Espacial Internacional, mostra as luzes de Cairo e Alexandria, Egito, na costa do Mediterrâneo. 

Scott Kelly, da NASA, tirou essa foto do nascer do sol nos EUA, no dia 10 de agosto de 2015. 

Curta a nossa página no Facebook para ver histórias semelhantes

Dê uma classificação geral para o site:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui