A noite de comemoração do Flamengo pela classificação à final da Libertadores teve um breve momento de pausa para abordar o adversário na briga pelo título. Os jogadores rubro-negros disseram que ainda terão um mês para estudar o River Plate, mas admitiram ter assistido à semifinal contra o Boca Juniors e elogiaram o rival do próximo dia 23, em Santiago, no Chile.

Mengão 360°: veja festa da torcida rubro-negra com imagens em 360 graus

Confira o que eles falaram:

Falta um mês, ainda tem muito pela frente. A gente viu Boca x River, o River até tentou propor um pouco mais o jogo, o Boca tentou um jogo muito mais direto. Mas era um clássico, é diferente, no campo do adversário. O River tem muita qualidade, vai ser um jogo muito difícil em campo neutro. A mesma coisa que eu disse antes da semifinal vou dizer agora: “Que ganhe o melhor, quem mereça vencer”. A partir disso, que o juiz não seja protagonista dessa final, que sejam os jogadores e que seja um grande jogo.

Sim, assistimos na concentração. O River tinha uma grande vantagem e jogou de maneira inteligente. Sabemos de sua qualidade e temos um bom tempo para estudar a equipe.

Assisti aos dois jogos contra o Boca. É uma equipe muito forte fisicamente. Acho que isso é da característica do time argentino, o combate muito forte, agressivo na marcação. Mas ainda temos praticamente 30 dias até o jogo. Acho que a maior preparação possível é conseguir manter o nível no Campeonato Brasileiro.

Eu estava tratando e não vi o jogo, mas a gente sabe que o River é uma grande equipe. Já há vários anos brigando, de tradição nessa Copa Libertadores. Mas agora é jogo único, campo neutro, até lá temos tempo. Agora é desligar a chave e voltar para o Brasileirão.

Acho que todo mundo assistiu, né? Foi um jogo pegado, de grandes equipes. Agora, quem tem feito o trabalho de ver os vídeos, esmiuçar bem a equipe para nos passar e ajudar, como tem feito, para a gente chegar forte nessa grande final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui