Presidente da República, Jair Bolsonaro presenteou o líder chinês, Xi Jiping, com um agasalho do Flamengo nesta sexta-feira (25), em Pequim, durante a assinatura de atos de cooperação enrtre os dois países.

Lives, conteúdos originais e o melhor da programação da ESPN! Inscreva-se no nosso canal do YouTube, ative as notificações e não perca nenhum vídeo!

No entanto, o chefe de Estado brasileiro não foi e nem será convidado pelo clube carioca para a final da Libertadores da América, contra o River Plate e que será disputada, a princípio, em 23 de novembro em Santiago, capital do Chile.

A informação é do jornalista da ESPN Brasil Mauro Cezar Pereira em seu blog no portal UOL.

Nele, explica que o presidente já elogiou publicamente Augusto Pinochet, líder da ditadura no país vizinho entre 1973 e 1990 e que é motivo de repulsa da maoiria do povo chileno.

O registro da entrega do presente foi postado no Twitter do Palácio do Planalto, e Bolsonaro ainda disse a Jiping: “Esse é o melhor time do Brasil na atualidade!”

Jair Bolsonaro e Xi Jiping Twitter

O Flamengo se classificou para a final da competição após golear o Grêmio, por 5 a 0, no Maracanã.

A decisão da disputa continental pode sair do Chile e ir para o Paraguai por conta do clima tenso no país andino, que vive onda de manifestações que teve como motivador inicial o aumento de tarifas no transporte público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui